“A questão da Fórmula 1 não é política. É econômica”, diz Doria
http://www.urgentenews.com.br/wp-content/uploads/thumbnail-for-365521.jpg
Esportes
eyJfb3JpZ2luYWxfdXJsIjoiaHR0cDpcL1wvZXNwb3J0ZS5pZy5jb20uYnJcL2VzcG9ydGUuaWcuY29tLmJyXC9hdXRvbW9iaWxpc21vXC9mMVwvMjAxOS0wNi0yNVwvYS1xdWVzdGFvLWRhLWZvcm11bGEtMS1uYW8tZS1wb2xpdGljYS1lLWVjb25vbWljYS1kaXotZG9yaWEuaHRtbCIsIl93cF9jcmF3bGVyX3NjaGVkdWxlX29yaWdpbmFsX2xpbmsiOiIiLCJfd3BfY3Jhd2xlcl9zY2hlZHVsZV9vcmlnaW5fbG9nbyI6IiIsIl93cF9jcmF3bGVyX3NjaGVkdWxlX29yaWdpbl9sb2dvX2xpbmsiOiIiLCJfd3BfY3Jhd2xlcl9zY2hlZHVsZV9jYW5vbmljYWxfbGluayI6IiIsIl93cF9jcmF3bGVyX3NjaGVkdWxlX2ZvbnRlIjoiIn0=

IstoÉ

Bolsonaro e Doria
undefined

Bolsonaro e Doria divergem sobre a mudança do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1

Em resposta ao presidente Jair Bolsonaro, que defendeu a transferência da Fórmula 1 de São Paulo para o Rio de Janeiro, o governador João Doria (PSDB) disse ao Estado nessa segunda-feira, 24, que a questão da Fórmula 1 “não é política”. “A questão da Fórmula 1 não é política. É econômica. Não é hora de eleição. É momento de gestão”, disse o tucano.

Leia também: Bolsonaro anuncia que GP do Brasil de Fórmula 1 será realizado no Rio em 2021

Bolsonaro disse nesta segunda-feira, 24, a jornalistas que Doria “parece que quer ser presidente” em 2022 e que por isso deveria pensar no Brasil “e não no seu estado”. “Não vai ter guerra, não, somos Brasil. A imprensa diz que ele será candidato à Presidência em 2022, então ele tem de pensar no Brasil. Se ele disputar a reeleição, aí ele pensa no seu Estado. Melhor ficar no Rio do que não ficar em lugar nenhum”, disse Bolsonaro. O contrato da Fórmula 1 com a capital paulista acaba no ano que vem.

Interlagos
Divulgação

Prefeitura e estado confiam que GP de Fórmula 1 continuará sendo disputado em Interlagos

Nesta terça-feira (25), o governador tucano se reúne com os representantes do evento para discutir a renovação do contrato com a cidade de São Paulo .

O episódio reforça o afastamento gradual entre o governador paulista e o presidente, que foi apoiado por Doria na disputa presidencial do ano passado. Ambos são pré-candidatos ao Palácio do Planalto.

Leia também: “Eu fiquei realmente surpreso”, diz piloto Felipe Massa sobre autódromo do RJ

O presidente Jair Bolsonaro negou que a transferência do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 de São Paulo para o Rio de Janeiro vá gerar uma “guerra” entra as duas capitais. Para ele, a mudança está sendo negociada para garantir que a prova permaneça no Brasil.