Servidores da MTI participam de palestra motivacional
http://www.urgentenews.com.br/wp-content/uploads/thumbnail-for-346354.jpg
Mato Grosso
eyJfb3JpZ2luYWxfdXJsIjoiaHR0cDpcL1wvd3d3Lm10Lmdvdi5iclwvd2ViXC9tdGlcLy1cLzExODM5NjQ4LXNlcnZpZG9yZXMtZGEtbXRpLXBhcnRpY2lwYW0tZGUtcGFsZXN0cmEtbW90aXZhY2lvbmFsIiwiX3dwX2NyYXdsZXJfc2NoZWR1bGVfb3JpZ2luYWxfbGluayI6Im5vIiwiX3dwX2NyYXdsZXJfc2NoZWR1bGVfb3JpZ2luX2xvZ28iOiIiLCJfd3BfY3Jhd2xlcl9zY2hlZHVsZV9vcmlnaW5fbG9nb19saW5rIjoiIiwiX3dwX2NyYXdsZXJfc2NoZWR1bGVfY2Fub25pY2FsX2xpbmsiOiJubyIsIl93cF9jcmF3bGVyX3NjaGVkdWxlX2ZvbnRlIjoiRm9udGU6IEdPViBNVCJ9

A Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) iniciou, nesta quinta-feira (23.05), um ciclo de palestras motivacionais voltado para os seus colaboradores, com o objetivo de aumentar a autoestima de cada profissional e melhorar o ambiente de trabalho. Intitulado “Motivação e Produtividade com foco Pessoal e Profissional”, o ciclo de palestra é realizado em parceria com o Instituto Educacional Global Fenix e se encerra nessa sexta-feira (24).

De acordo com a gerente de Desenvolvimento e Desempenho da MTI, Gabriela Kessler, a intenção é motivar os colaboradores, especialmente neste momento em que a empresa passa por uma reestruturação com vistas a alcançar a sua viabilidade econômica e financeira.

“Sabemos que essa é uma situação que causa certa apreensão nos empregados. Mas a empresa possui inúmeros profissionais qualificados  e precisamos lembrá-los de quem eles são, e da importância do trabalho que desempenham. Profissional motivado significa um melhor ambiente de trabalho e resultados mais satisfatórios”, disse. 

A palestra foi conduzida pela psicopedagoga Fátima Guedes, que explicou o que é motivação e a importância do autoconhecimento por parte de cada pessoa, que, a partir daí, decide o que a afeta e aprende a lidar com as diversas situações no ambiente de trabalho. Com isso, melhora o relacionamento interpessoal.

“Não faça a motivação vir do seu celular, do seu emprego ou de alguém. Essa motivação precisa vir de dentro de você. Não se pode ficar à mercê de pessoas, coisas ou situações, pois um dia elas podem mudar e você como fica? Não adianta ter conhecimento, sem habilidade e habilidade sem atitude”, afirmou.

Fátima Guedes explicou também como é possível construir um ambiente de trabalho mais saudável, que vai desde a melhora no tratamento entre os colaboradores, o desenvolvimento de uma comunicação mais eficaz e a necessidade de manter o equilíbrio para que problemas externos não atrapalhem o clima organizacional e, por consequência, a efetividade do trabalho. 

 “Muitas pessoas querem que o ambiente de trabalho seja melhor, que a empresa seja melhor, mas não são capazes de dar um ‘bom dia’ para o colega, de atender o telefone com educação, de respeitar o próximo e valorizar o trabalho do outro. Temos que pensar que não é o que falamos, mas a forma como falamos. Se passarmos a nos colocar no lugar do outro, com certeza teremos um ambiente de trabalho melhor e mais saudável”, disse.

Para demonstrar como a comunicação é a chave para solucionar vários problemas, tanto pessoais quanto profissionais, a palestrante realizou duas dinâmicas com os participantes, que evidenciaram a dificuldade que existe em ouvir e como o medo de se expor pode atrapalhar o potencial de cada um. Além disso, os participantes receberam uma atividade para que eles apontassem soluções que acreditam serem necessárias para lidar com as frustrações no ambiente de trabalho, estimular a proatividade e ampliar a comunicação entre os setores.

A palestra se encerra na sexta-feira (24), momento em que todas as atividades serão avaliadas e discutidas entre os participantes que, ao final, receberão certificados de participação.