Amazon começa a construção de seu aeroporto de US$ 1,5 bilhão
http://www.urgentenews.com.br/wp-content/uploads/thumbnail-for-342509.jpg
Economia
eyJfb3JpZ2luYWxfdXJsIjoiaHR0cDpcL1wvZWNvbm9taWEuaWcuY29tLmJyXC9lbXByZXNhc1wvMjAxOS0wNS0xN1wvYW1hem9uLWNvbWVjYS1hLWNvbnN0cnVjYW8tZGUtc2V1LWFlcm9wb3J0by1kZS11cy0xNS1iaWxoYW8uaHRtbCIsIl93cF9jcmF3bGVyX3NjaGVkdWxlX29yaWdpbmFsX2xpbmsiOiJ5ZXMiLCJfd3BfY3Jhd2xlcl9zY2hlZHVsZV9vcmlnaW5fbG9nbyI6Imh0dHA6XC9cL3d3dy51cmdlbnRlbmV3cy5jb20uYnJcL3dwLWNvbnRlbnRcL3VwbG9hZHNcLzIwMThcLzAxXC9sb2dvLWlnLWZ3LnBuZyIsIl93cF9jcmF3bGVyX3NjaGVkdWxlX29yaWdpbl9sb2dvX2xpbmsiOiJodHRwczpcL1wvd3d3LmlnLmNvbS5iclwvIiwiX3dwX2NyYXdsZXJfc2NoZWR1bGVfY2Fub25pY2FsX2xpbmsiOiJ5ZXMiLCJfd3BfY3Jhd2xlcl9zY2hlZHVsZV9mb250ZSI6IkZvbnRlOiBJRyBFQ09OT01JQSJ9

IstoÉ Dinheiro


Site amazon
shutterstock

Projeto de aeroporto da Amazon começou a ser pensado em 2017


Começaram as construções do aeroporto da Amazon, que será construído em terreno próximo a cidade de Cincinnati, no estado americano de Ohio. O projeto teve início em 2017, quando a empresa de Jeff Bezos anunciou acordo de uso por 90 anos de uma área de 3,6 quilômetros quadrados, que segundo a Associated Press, é o tamanho médio de hubs de grandes empresas de transporte aéreo de carga.

Leia também: Startup apresenta táxi voador com previsão de estreia em 2025

Com o novo empreendimento, a Amazon planeja ter ainda mais controle de seus sistema de entregas, se tornando menos dependente de companhias de logística como UPS, FedEx e serviços de correios locais. Além do mais, o aeroporto faz sentido para os planos da empresas de diminuir o tempo de entrega para assinantes da Amazon Prime, que pretende realizar as entregas em apenas um dia.

“O hub permitirá entregas os pacotes mais rapidamente para os consumidores, e isso é muito importante. Vamos diminuir o tempo de entrega do Prime, e o aeroporto é um dos grandes responsáveis por isso”, disse Bezos para a rede de TV local WCPO-TV.

Leia também: Burger King promete entregar hambúrgueres no trânsito de São Paulo; assista

É esperado que as obras fiquem prontas em 2021 e que tragam até 2 mil novos empregos para a região. Apesar da grande novidade, a Amazon ainda precisa lidar com problemas em sua companhia aérea, que sofreu com acidentes nos últimos meses.