Alunos da Faculdade Arnaldo visitam o Tribunal e participam do Projeto Conhecer

9

Foto: Thiago Rios Gomes

Cerca de 30 alunos do curso de Administração Pública da Faculdade Arnaldo visitaram, nesta quinta-feira (14/11), as dependências do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais e participaram das atividades do Projeto Conhecer. Iniciado em 2013, o projeto apresenta os trabalhos, atividades, competências e estrutura da Corte de Contas para estudantes do ensino médio e superior de todo o estado. Além das palestras, os alunos visitaram as dependências do Suricato, Casa dos Contos, Plenário e Biblioteca do TCEMG.

Iniciando a visita, a analista Luciano Raso ministrou uma palestra sobre as atribuições e competência da Corte de Contas mineira. “O Projeto Conhecer visa a aproximação do Tribunal de Contas junto à sociedade, com o objetivo de mostrar a importância do TCEMG na estrutura organizacional do Estado”, disse. Em seguida, a assessora da Escola de Contas, Fabricia de Oliveira, apresentou aos alunos o aplicativo Na Ponta do Lápis. “Após perceber graves problemas estruturais nas escolas públicas mineiras, o TCEMG desenvolveu esta ferramenta para que o cidadão possa avaliar a infraestrutura das escolas. Com o aplicativo, as pessoas se envolvem mais com a escola, criando um sentimento de pertencimento em toda a comunidade escolar”.

No prédio do Suricato, a servidora Ana Paula Gonçalves explicou as funções do centro de inteligência do Tribunal. “O Suricato informa o que, onde e como fiscalizar, da forma mais assertiva possível. Fazemos os cruzamentos de dados, o nivelamento de informações, e as repassamos para a área técnica”. No local, os alunos ainda tiveram contato com a cápsula do tempo do TCEMG, com informações do Tribunal que serão abertas daqui a 80 anos.

O professor da Faculdade Arnaldo, Lucas Xavier, aprovou o Projeto Conhecer. “Foi uma visita bastante proveitosa. Nossos alunos puderam ter contato na prática e in loco com as atividades do Tribunal de Contas. Fundamental essa interatividade com este importante órgão de controle”.

Fotos no Flickr abaixo

Lucas Borges / Coordenadoria de Jornalismo e Redação 

Projeto Conhecer 14-11-2019

Fonte: TCE MG