Defensor público-geral é reconduzido e novos defensores tomam posse

5

O defensor público-geral do Paraná, Eduardo Abraão, foi reconduzido ao cargo para o biênio 2019-2021. Na mesma solenidade, realizada terça-feira (05), tomaram posse os 16 defensores públicos aprovados em concurso e nomeados em 2019. A cerimônia aconteceu no Auditório Poty Lazzarotto do Museu Oscar Niemeyer, e teve a participação da Camerata Antiqua de Curitiba.

Eduardo Abraão destacou a importância da Defensoria Pública na sociedade, relembrou alguns feitos ao longo dos dois últimos anos e reforçou suas propostas para o próximo biênio. “A Defensoria Pública, enquanto expressão e instrumento do regime democrático, atuará intensamente na promoção e defesa do direito à educação”, disse.

“A entidade cumprirá o seu papel de promover e defender o direito à saúde, à moradia, o direito da mulher, da criança e do adolescente, do idoso, da pessoa com deficiência e do consumidor. Atuará no combate à discriminação e zelará pelo devido processo legal e seus consectários na justiça criminal e execução penal”, afirmou.

Ele também se referiu aos novos empossadas. “É dando posse a defensores e servidores que nos fortalecemos, sendo o crescimento de nossos quadros que, efetivamente, propicia à Defensoria Pública crescer e se firmar”, disse Abraão.

Os defensores Ana Luisa Imoneli Miola e Caue Bouzon Machado Freire Ribeiro discursaram em nome de todos os empossados. “Nosso papel é de resistência e luz no fim do túnel para quem não enxerga mais a luz”, ressaltou o novo defensor.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

Fonte: Governo do Paraná