Fortaleza além das praias: 10 passeios culturais para você conhecer a cidade

16
source

Fortaleza ainda faz parte da lista de desejos para viagem de muitos brasileiros. Não à toa, a capital do Ceará ficou em segundo lugar na lista de destinos do ano na pesquisa Barômetro, da plataforma Viajala .

Leia também: Casa do “Caribe do Norte”, saiba o que fazer em Santarém, no Ceará

fortaleza arrow-options
shutterstock

Fortaleza, Ceará

Segundo os dados levantados no estudo, Fortaleza teve um “boom” de estrangeiros em 2019 (99% a mais do que em 2018) e foi o terceiro lugar nacional mais buscado no aplicativo, atrás de São Paulo e Rio de Janeiro.

Ainda de acordo com a pesquisa, o preço das passagens aéreas para a Fortaleza caiu 4% em relação a 2018, o que aumentou a procura em 55%. Um exemplo prática dessa diminuição é que, durante todo o mês de dezembro, utilizando o buscador Google Flights , passagens de ida de São Paulo para Fortaleza estão saindo por R$ 800.

Com esse cenário, a capital cearense é uma das apostas da Viajala para o próximo ano.

Mas e o óleo nas praias?

No início de outubro, quando o aparecimento das manchas de óleo  teve início no Nordeste, a praia do Futuro, uma das mais frequentadas em Fortaleza, ficou imprópria para banho em consequência do desastre ambiental.

Porém, a Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), anunciou em um boletim de 25 de outubro que, tanto a praia do Futuro como todo o litoral leste da cidade, estão livres do petróleo e podem voltar a ser frequentados pelos turistas.

O mesmo documento aponta que a zona central da cidade, que inclui Mucuripe, Meireles e a Praia de Iracema, também está liberada pelo Semace para esporte e lazer. Somente o trecho entre o farol e o monumento do jangadeiro, no Mucuripe, está impróprio; assim como sete trechos da zona oeste. Clique aqui e confira todos.

Para quem ainda não se sente seguro de frequentar as águas cearenses, o iG Turismo separou alguns pontos turísticos em Fortaleza para curtir além das praias. Confira abaixo:

1. Beach Park

beach park arrow-options
shutterstock

Beach Park, no Ceará

O Beach Park é uma das maiores atrações de Fortaleza . Com mais de 30 anos de existência, o parque tem um complexo gigante com 200 mil m², três resorts e um hotel. Quem optar por conhecê-lo encontrará 18 atrações classificadas entre radicais, moderadas e família.

A paulista Sabrina Siqueira já viajou algumas vezes para Fortaleza e comentou sobre o Beach Park. “Pra quem nunca foi em parque aquático super vale a pena. Você pode sair e voltar do parque a qualquer hora, para comer fora ou dar um pulo na praia”.

A praia do Beach Park, inclusive, é apontada pela analista de CRM como uma das mais lindas do estado, mas também uma das mais caras. Então se você quer conhecer o local, programe o bolso.

Veja abaixo os valores dos ingressos do parque aquático:

  • R$ 215 se comprado antecipadamente (para um dia),
  • R$ 350 para três dias
  • R$ 380 para sete dias.

2. Bar do Pirata

bar arrow-options
Reprodução/ Facebook

O Bar do Pirata é um dos pontos mais animados de Fortaleza

O Bar do Pirata é um dos pontos mais badalados da cidade de Fortaleza. Criado em 1986, o lugar envolve música e tradição nordestina. Por lá o ponto alto são as “segundas-feiras mais loucas do mundo”. Toda segunda tem festas temáticas com dança e garçons animados.

O bar foi citado pela fisioterapeuta Liliane Viveiros, natural de São Paulo, como um dos lugares mais legais que ela visitou na cidade. “É um ambiente que vai muita família, é bem gostoso. Tem tanto comida, quanto bebida. Começa às 19h, então é tranquilo para quem quer jantar e depois ir embora. Mas também vira a noite”, lembrou.

3. Mercado Central

fortaleza arrow-options
Reprodução/ Instagram

O mercado central de Fortaleza vende de peixes, frutas e verduras até itens de couro e lembrancinhas

Visitar o mercado central de qualquer cidade é uma boa opção para conhecer a gastronomia local. O Mercado Central de Fortaleza foi fundado em 1809 e no início só vendia carne, fruta e verdura.

Hoje a rede de produtos é muito extensa tendo itens em couro, renda, bordados, artigos de mesa e banho, camisetas e muitas lembrancinhas. O mercado tem 559 boxes, 18 banheiros e um estacionamento.

4. Centro Cultural Dragão do Mar

fortaleza arrow-options
Reprodução/ Pinterest

O Centro Cultural Dragão do Mar é um dos pontos mais visitados em Fortaleza

O Centro Cultural Dragão do Mar é uma ótima opção cultural. Com salas de teatro, cinema, biblioteca, planetário e várias exposições, o Centro também integra o Museu de Arte Contemporânea e o Museu da Cultura Cearense.

A programação do mês é sempre detalhada no site oficial do Centro e, no caso do cinema, a entrada inteira é R$ 14 e a meia R$ 7 com exibições de segunda a domingo.

5. Estoril

fortaleza arrow-options
Reprodução

O edifício Estoril é muito conhecido e antigo em Fortaleza

O Estoril é um local conhecido em Fortaleza. Construído em 1915, o edifício já foi um cassino e a primeira moradia de grande porte próximo ao mar. Localizada na praia de Iracema, o espaço agora tem temática cultural com bar e restaurante.

Para quem quer se divertir entre amigos a noite, o Estoril é um ponto ótimo. Por lá acontecem shows, apresentações de teatro e artes visuais.

6. Centro das Tapioqueiras

fortaleza arrow-options
Reprodução/ Site oficial

O Centro das Tapioqueiras abriga muitos quiosques onde o turista pode experimentar recheios diferentes

Para quem AMA tapioca, nada melhor do que conhecer o Centro das Tapioqueiras. Localizado no bairro Messejana, o Centro é composto por uma praça de alimentação com 20 quiosques. Dá para pedir tapioca com muitos recheios diferentes e encontrar outras iguarias como cuscuz de biju recheado de queijo coalho com carne seca. Deu água na boca né?

7. Casa e Theatro José de Alencar

fortaleza arrow-options
Reprodução/ tapisrouge.com.br

O Theatro José de Alencar é um dos pontos com a temática do escritor em Fortaleza

José de Alencar é um dos escritores mais importantes da história do Brasil. A casa em que ele cresceu, no bairro de Alagadiço Novo, virou um centro cultural pertencente à Universidade Federal do Ceará.

No sítio em que fica situada a casinha, hoje só existe o pequeno imóvel e as ruínas de um engenho a vapor. Antes de o espaço ser tombado, em 1964, a casa grande também ocupava uma parte dos sete hectares.

A visitação até a Casa José de Alencar funciona mediante agendamento de segunda a sexta das 8h às 12h/ 13h às 17h e sábados das 08h às 12h. Para grupos é importante entrar em contato pelo telefone (85) 32291898.

Já o Theatro José de Alencar é outro ponto que remete ao escritor. Inaugurado em 1910, o edifício tem estruturas de ferro e influências de art noveau, o que já chama atenção por si só. A programação inclui peças de teatro, shows, apresentações de humor e exposições. O Theatro funciona de terça a sexta das 09h às 21h e nos fins de semana das 14h as 21h00.

8. Museu do Ceará

museu arrow-options
Reprodução/ Facebook

O museu do Ceará tem muito acervo sobre a história do estado

O Museu do Ceará foi inaugurado em 1933 e possui um acervo rico dividido entre peças históricas e antropológicas com coleções indígenas e religiosas, telas de pintura, moedas, armas, móveis e documentos históricos.

O local está aberto ao público de terça a sábado das 9h às 17h e tem acesso gratuito.

9. Caixa Cultural Fortaleza

caixa arrow-options
Reprodução

prédio da Caixa Cultural Fortaleza

Em praticamente todas as capitas o espaço Caixa Cultural leva entretenimento de qualidade para os moradores. A programação do CCF inclui show de artistas locais, feira de cordel, exibição de documentário, espetáculos infantis e muito mais.

O horário de visitação é de terça a sábado das 10h às 20h e no domingo das 12h às 19h.

10. Museu do Caju

museu arrow-options
Reprodução/ Facebook

O Museu do Caju conta toda a história da fruta no estado do Ceará

Inaugurado em 2007, o Museu do Caju conta a importância da fruta para o estado do Ceará . Por lá o visitante conhece a origem, os usos e costumes, as histórias populares, entende a economia da cajucultura, a diversidade e as curiosidades do tema.

O passeio é um pouco mais distante da capital (cerca de 15 km), mas vale a pena pela temática da exposição. O horário de funcionamento é de segunda a sábado das 09h às 17h e no domingo das 09h às 16h.

Passeios ao redor de Fortaleza

canoa quebrada arrow-options
shutterstock

Canoa Quebrada ganhou popularidade com os hippies na década de 1970, e já foi cenário de filmes e novelas brasileiros

Além de sua experiência com a praia do Beach Park, Sabrina também comentou com a reportagem sobre os arredores de Fortaleza, como Canoa Quebrada.

Leia também: 5 passeios bate e volta para fazer saindo de Fortaleza

Para quem pretende visitar os paredões de Canoa, a dica dela é que pernoite na vila. “A segunda vez que fui para Canoa voltamos de noite. E eu percebi que a noite a cidade roda muito, muitas pessoas dormem lá e eu, se soubesse, teria dormido lá. Tem lojinhas, bistrô e restaurantes. A galera aproveita pra caramba”, concluiu.

Fonte: IG Turismo