Saúde tem plano de ação para idosos residentes em instituições da capital

9
source

Evento Saúde do Idoso na Etsus

Para a secretária municipal de Saúde, Cátia Lisboa, o trabalho com as ILPI sempre foram objeto de assistência dentro da rede municipal (Ampliar imagem)

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) apresentou, na manhã desta sexta-feira (18), o novo Plano de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Idosas para instituições filantrópicas e privadas.

A proposta é atender Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI). Desde 2006, a Semus faz ações de atenção à população idosa residente nesses locais, onde acontecem o monitoramento epidemiológico e organização do atendimento ofertado pelos serviços de saúde aos usuários, conforme prevê a portaria PMV/Semus n° 30, instituída em 2011.

A reunião aconteceu na Escola Técnica e Formação Profissional de Saúde (Etsus) de Vitória e contou com a participação de dirigentes e responsáveis técnicos das instituições da capital.

Também estiveram presentes a promotora de Justiça Cível de Vitória Sandra Maria Ferreira de Souza, representantes da área técnica da saúde do idoso, diretores e representantes da Vigilância Sanitária e da Vigilância Epidemiológica.

Para a secretária municipal de Saúde, Cátia Lisboa, o trabalho com as ILPI sempre foram objeto de assistência dentro da rede municipal. “A política de saúde do idoso é primordial no município de Vitória. Estamos felizes com esse momento de construção e, desde 2017, já estamos trabalhando nesse novo plano. É gratificante ver que essas parcerias têm sido eficazes”.

Ações desenvolvidas pela Semus junto às ILPI:

Atenção à saúde das pessoas idosas residentes no Asilo dos Idosos de Vitória:

A Semus possui pactuação com o Asilo dos Idosos desde o ano de 2013, como desdobramento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado em 2006 com o Ministério Público.

Nesse sentido, está em vigor um Plano de Trabalho que contempla os fluxos de atendimento e as atribuições da Semus e do Asilo dos Idosos, visando à oferta de ações e serviços de saúde para atendimento aos idosos institucionalizados em todos os níveis de complexidade da rede municipal de saúde.

Monitoramento Epidemiológico da situação de saúde das pessoas idosas residentes em ILPI:

A ação de monitoramento e avaliação epidemiológica é preconizada pela RDC Anvisa nº 283/2005. Em Vitória, foi implantada em 2017 e é realizada em parceria entre ILPI, a UBS à qual a ILPI está vinculada e a Vigilância Epidemiológica, que articula a organização da relação entre as ILPI e os territórios de saúde.

São monitorados mensal ou semanalmente diversos indicadores que permitem a análise das condições de saúde dos residentes, contribuindo para a construção sistemática de estratégias que visam à prevenção e à redução de riscos à saúde desse segmento.

Inspeção Sanitária:

Conforme preconizado no Código Sanitário Municipal e estabelecido pelo Plano Municipal de Saúde, são realizadas inspeções anuais em todas as ILPI localizadas no município.

Fonte: Prefeitura Municipal de Vitória ES