Prédio do Núcleo Investigativo Operacional de Alto Araguaia é revitalizado

14

Foto: SANDRA LUCIA RODRIGUES COSTA

A população de Alto Araguaia foi beneficiada com a entrega das novas dependências do Núcleo de Investigativo Operacional (NIO) de Alto Araguaia, na sexta-feira (13). O deputado estadual, Delegado Claudinei (PSL), prestigiou a reinauguração do prédio, que foi totalmente revitalizado. 

“Fico feliz porque o NIO se iniciou em nossa gestão como delegado regional, em 2016. É uma grande satisfação ter contribuído com a criação desse núcleo, que não só atua nas investigações de crimes graves de Alto Araguaia, mas também auxilia os trabalhos da Polícia Judiciária Civil (PJC) e a segurança pública em todos os municípios aqui da região”, afirmou o parlamentar. 

Na oportunidade, o delegado do município, Carlos Roberto, explicou que, mesmo durante a reforma do prédio, o NIO não deixou de atuar em nenhum momento, desde sua criação. “Tínhamos graves problemas estruturais no prédio e o NIO é uma unidade desconcentrada da delegacia de Alto Araguaia. Com essa revitalização, vamos atender de forma efetiva a demanda, o que é um fator o de grande relevância para toda a comunidade”, disse o delegado.

O promotor de Justiça de Alto Araguaia, Rodrigo Ribeiro, destacou que essa inauguração é de suma importância para a comunidade de Alto Araguaia e que essa delegacia existe para combater a criminalidade organizada e de crimes de maior repercussão no município, como homicídios, tráfico de drogas e roubo. 

“O Ministério Público conseguiu transformar ilícitos em recursos para fazer essa reforma, através de transações penais e leilão de bens apreendidos. Também utilizamos a mão de obra de reeducandos de Alto Araguaia. Entregamos essa obra a fim de proporcionar melhores condições de trabalho aos investigadores e servidores da PJC”, ressaltou o promotor. 

O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo Melo, agradeceu a parceria de todos que contribuíram para a revitalização do NIO, em especial ao deputado Delegado Claudinei. “Foi delegado da nossa regional e é uma autoridade que briga e luta cada vez mais para condições aos servidores da PJC”, evidenciou Melo. 

Além dessas autoridades, estiveram presentes no evento, os juízes Marina Carlos de França e Adalto Quintino da Silva; o delegado regional de Rondonópolis, João Paulo de Andrade Farias; o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Vitor Musa; o diretor da cadeia pública, Aber Martins; a presidente do Sindicato dos Investigadores, Edileuza Mesquita; o tenente da Polícia Militar, Bezerra Moraes; o sub-tenente do Corpo de Bombeiros, comandante Manoel Eduardo Gonçalves e; o presidente do Conselho de Segurança (Conseg), Edson Alves Silva.

Fonte: ALMT