Vereador quer mais conscientização da importância da higienização das mãos

16
class=”olho”>RÁDIO CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ
15/07/2019
Vereador quer mais conscientização da importância da higienização das mãos
Esta tramitando no Parlamento Municipal um projeto de lei de autoria do vereador Ricardo Saad (PSDB), que dispõe sobre a obrigatoriedade de hospitais, clínicas e laboratórios afixar aviso sobre higienização das mãos.
Conforme a proposta, o aviso deverá se dar por meio de adesivo, plaqueta ou cartaz, confeccionado em material resistente e impermeável, com os seguintes dizeres: “Ajude na prevenção de doenças – Lave suas mãos”.
A sua fixação deverá ser obrigatório em hospitais, clínicas e laboratórios, em suas dependências sanitárias, bem como próximo das pias de higienização das mãos dos usuários assim como nos estabelecimentos privados em que houver qualquer tipo de manipulação ou contato com alimentos, embalados ou não, inclusive na sua preparação, fornecimento, distribuição e comercialização, em suas dependências sanitárias e próximas das pias para higienização das mãos dos manipuladores de alimentos.
Os avisos ainda deverão ser fixados em áreas de consumação de alimentos de estabelecimentos privados, como refeitórios, restaurantes e praças de alimentação, próximo das pias instaladas nesses locais para higienização das mãos dos usuários.
“A higienização das mãos é uma medida simples, efetiva e de menor custo para prevenção de doenças transmissíveis, como infecções relacionadas à assistência à saúde (IRAS), e doenças gastrointestinais como escabiose, herpes simples e conjuntivite, assim como a gripe e outras viroses”, pontua Saad.
De acordo com o vereador, a Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece essa prática como uma das principais estratégias contra epidemias, uma vez que as mãos das pessoas representam o principal veículo de transmissão de micro-organismos.
“Em geral, as mãos são a parte do corpo que mais entram em contato com outras pessoas e objetos inanimados, contribuindo para disseminação de vírus e bactérias e, quando levadas à boca, olhos e nariz sem a devida higienização, podem levar a auto-contaminação e propagação de micro-organismos”, acrescenta.
Diante disso, visando à prevenção de doenças, o parlamentar afirma que idealizou a elaboração do projeto de lei que Dispõe sobre a obrigatoriedade de afixar lembretes como forma de tornar a higienização das mãos necessária, assim como a técnica correta desta pratica, em quaisquer instituições de saúde ou estabelecimentos que em houver o preparo, consumo e comercialização de alimentos.
Kamila Arruda | Câmara Municipal de Cuiabá