Obras dos Parques das Mangueiras e do Escondidinho avançam em bom ritmo

4

As obras de dos Parques do Escondidinho e da Mangueiras estão em pleno andamento. Os dois parques fazem parte das ações adotadas pela Prefeitura de Rondonópolis com o objetivo de criar novos espaços de recreação e elevar a qualidade de vida do cidadão rondonopolitano, promovendo o embelezamento da cidade, a inclusão social e a facilitação do acesso aos benefícios ofertados pelo poder público.

Dentro desse plano, além destes dois parques em construção, a Prefeitura também está trabalhando também na criação do Parque Encontro das Águas, que teve a obra lançada no último dia 8 de maio e fica localizado na região da Vila Aurora, nas imediações da foz do Ribeirão Arareau no Rio Vermelho. O investimento na transformação deste local em mais um espaço de lazer e diversão para população de Rondonópolis será de aproximadamente R$ 4 milhões

Localizado no Jardim Primavera, o Parque das Mangueiras teve sua obra paralisada no final de 2015 e retomada pela Prefeitura de Rondonópolis em meados do ano passado, por meio de convênio com o Ministério do Turismo, via Caixa Econômica Federal (CEF). Estão sendo investidos no local mais de R$ 3,7 milhões.

O espaço do Parque das Mangueiras vai contar com pista de caminhada, academia popular, quadra poliesportiva coberta, quadra de areia, campo de futebol society, vestiários, área de convivência, guarita e prédio para estrutura administrativa, além de projeto de paisagismo e cercamento da área de proteção.

De acordo com o fiscal da obra, o engenheiro civil da Secretaria Municipal de Infraestrutura, José Gilmar Soares Junior, as obras no local estão em bom ritmo e logo os moradores da região poderão contar com o tão sonhado espaço de lazer, que já está ganhando forma.

“Só faltam fazer a cobertura dos prédios já construídos, a colocação do piso intertravado e a pavimentação das vias de acesso ao parque, devendo começar na próxima semana”, disse o engenheiro, acrescentando que os trabalhos estão previstos para serem concluídos até o final de agosto. Inicialmente, era para julho, mas tiveram que ser feitos serviços extras e, consequentemente, reprogramação junto à CEF, o que acabou adiando o término das obras.

Sonho antigo dos moradores da região Salmen, as obras no Parque Ecológico Escondidinho, localizado no bairro Pedra 90, estão também com as obras no local em bom ritmo. Iniciada em 2009, a obra foi paralisada em 2012 e retomada pela atual gestão também em meados do ano passado, dentro da proposta de criar novas opões para que a população da região possa buscar ter melhor qualidade de vida.

Construído pela Prefeitura de Rondonópolis, também por meio de convênio com o Ministério do Turismo, via CEF, o projeto do Parque Ecológico do Escondidinho contará com jardinagem, mesas e bancos, pistas de caminhada, quiosques, quadras poliesportivas, pista de skate, campo de areia, bosque, mirante, entre outros.

Conforme Gilmar, seguindo o cronograma, nesta terça-feira (14) foram concluídos os trabalhos de aterro da drenagem do parque.  A pavimentação de 500 metros da rua que dá acesso ao parque também já está concluída.

Equipes da empresa contratada para executar a obra trabalham ainda na construção da pista de skate, “que já está bem evoluída” A compactação das fundações do mirante, que será todo de madeira, teve início este mês, assim como a compactação do aterro da pista de caminhada.

“Este mês ainda devem começar a serem feitos as calçadas e alambrados”, informou Gilmar, lembrando que o projeto que está sendo executado é de 2009, o que tem levado a se fazer adequações ao longo de sua execução.  Isso tem dificultou o cumprimento do cronograma inicial, que previa a conclusão da obra para junho. “A nossa intenção é entregar o parque pronto até o final do ano”.