Macaco é morto por outros do próprio bando após ficar impotente em zoológico

9

Macaco Cornelius
Divulgação /Affenwelt

Macaco Cornelius acabou morto pelo próprio bando por não conseguir satisfazer as fêmeas


Antes líder do bando de macacos do zoológico Monkey World Affenwelt, na Alemanha, o macaco Cornelius, de 18 anos, foi brutamente morto pelos demais integrantes depois que se tornou impotente. Nas últimas semanas, ele deixou de satisfazer as nove fêmeas presentes no local e perdeu o respeito dos demais primatas.

Leia também: “Coelho da Páscoa” separa briga de casal e troca socos com agressor nos EUA

O diretor do Affenwelt, Silvio Dietzel, explicou ao jornal Mirror , da Inglaterra, que Cornelius já não recebia o mesmo tratamento pelo bando há alguns dias. De acordo com ele, quando um macaco não consegue reproduzir, ele passa a ser desprezado.

“Ele era apenas tolerado, já não tinha mais respeito de nenhum outro. Sem as presas, ele não pôde se defender e acabou sendo morto . Não houve se quer resistência”, disse Dietzel.

Leia também: Tubarão é flagrado engolindo a cabeça de outro tubarão em foto impressionante

Com a morte de Cornelius, Jonas, de seis anos, passou a comandar o bando. Ele também é considerado o principal reprodutor do Monkey World Affenwelt.

Para se tornar líder, Cornelius chegou a brigar com rivais machos e chegou, incluisve a matar um macaco em 2015. A ideia do zoológico da Alemanha é que os primatas vivam da maneira mais parecida possível que quando estão soltos na natureza.