MTs 344 e 457 aguardam recapeamento

7

Deputado Max Russi tem recebido constantes cobranças de moradores e motoristas, que trafegam em ambas as rodovias estaduais.

A manutenção da MT-344, que liga Jaciara a Campo Verde, voltou a ser cobrada em sessão plenária, por meio de um Requerimento do primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi (PSB). Outra cobrança foi em relação a MT-457, que da acesso a Cachoeira da Mulata, e que também enfrenta problemas com buracos.

“Estive em Jaciara no final de semana e recebi essas cobranças. O governo do estado se comprometeu a fazer essas obras, nos próximos meses. Nesse trecho, de Jaciara a Campo Verde, realmente precisa ser feito esse recapeamento”, avaliou Russi.

Na MT-344 a primeira parte, que faz ligação com o município de Dom Aquino e havia sido reconstruída em 2016, após cobrança do parlamentar ao Executivo, há tempos não é contemplada com manutenções e tem sofrido as conseqüências das constantes chuvas, que tem atingido a região.

Situação semelhante é enfrentada pela MT-457, popularmente conhecia como Estrada da Cachoeira. Essa rodovia já passou por revitalização, após constantes cobranças de Max Russi, porém já apresenta sérios problemas estruturais, o que tem dificultado o acesso aos pontos turísticos de Jaciara.

Ambas as obras haviam sido executadas pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso (Sinfra) com recursos do Prodestur, geridos pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec).

“Hoje essas rodovias não estão em condição de tráfego, pois os buracos estão abrindo. As cobranças em sido constantes e é necessário um trabalho emergencial, até em virtude da segurança dos motoristas que trafegam por ali”, justificou o parlamentar

Max Russi ressaltou ainda a importância das reformas reestruturais e recapeamentos em ambos os trechos, importantes para o desenvolvimento econômico e turístico da região. “Estarei acompanhando esse pedido  e propor ao governo do estado mais agilidade, para que essas obras logo se iniciem”, assegurou.

POR: JOSÉ MARQUES / Gabinete do deputado Max Russi