Perdeu o celular no Carnaval? Confira o que fazer agora e como se prevenir

7

Saiba como se prevenir e proteger seus dados após perder o celular no carnaval
Rovena Rosa/Agência Brasil

Saiba como se prevenir e proteger seus dados após perder o celular no carnaval

Aproveitar o Carnaval, desligar-se das obrigações e desfrutar da música e do povo reunido para festejar sempre atrai muitas pessoas. O feriado é um dos mais aguardados em todos os anos, mas, especialmente nos blocos, é um desafio poder levar o celular. Muitos acabam perdendo os aparelhos, sendo furtados ou até mesmo roubados. Se você passou por uma dessas situações ou conhece alguém, confira o que fazer.

Leia também: Carnaval 2019 ainda tem blocos em São Paulo e no Rio de Janeiro; ache o seu

O prejuízo, em muitos casos, pode ultrapassar a questão financeira, uma vez que os celulares fazem parte de nossas vidas e trazem muitos de nossos dados, informações e conteúdos pessoais. Por isso, é importante se prevenir caso tenha perdido o aparelho no C arnaval , ainda pretenda aproveitar a folia ou conheça alguém que passou por isso e não quer repetir.

Boletim de ocorrência

Em caso de furto ou assalto, é recomendado registrar boletim de ocorrência. Se o aparelho for recuperado pelas autoridades, o proprietário será avisado. Verifique se o seu estado oferece a possibilidade de registrar ocorrência pela internet, ou então dirija-se à delegacia de Polícia Civil mais próxima de você.

Aplicativos de localização

Os aplicativos que ajudam a informar a localização podem ajudar a recuperar o aparelho, mas precisam estar ativados antes da perda do aparelho. Vale lembrar, no entanto, que se o aparelho for desbloqueado ou tiver o número de cadastro alterado pelos criminosos, esse tipo de função deixa de funcionar.

Apagar arquivos da memória do aparelho

É recomendado que se tente acionar a função que apaga os arquivos da memória do celular antes de solicitar o bloqueio da linha, porque é necessário haver comunicação com o aparelho. O mesmo vale para tentar conseguir a localização por meio do GPS. Confira como apagar os arquivos sem estar com o celular em mãos:

No Android

  • Usando algum outro dispositivo, acesse a conta do Google vinculada ao aparelho perdido e selecione-o; e
  • Clique na opção “Limpar dispositivo” e confirme a execução do comando, que, no entanto, só funcionará quando o aparelho estiver conectado à internet.

No iPhone

O iPhone pode ser gerenciado remotamente (sem o aparelho em mãos) pelo iCloud. É possível obter a localização do celular caso a opção “Buscar iPhone” tenha sido habilitada previamente. Se esse recurso não estiver ativado em seu dispositivo perdido, não será possível usá-lo para localizar o aparelho, mas você ainda poderá proteger seus dados seguindo esses passos:

  • Altere a senha do ID da Apple. Ao fazer isso, você impede que outra pessoa acesse seus dados ou use outros serviços no dispositivo perdido; e
  • Altere senhas de outras contas da Internet usadas no dispositivo, como as de e-mail, Facebook, Instagram, Gmail ou Twitter.

Leia também: Folião cai de altura de 5 metros ao se pendurar em escada de estação do Metrô

Se o iPhone perdido estiver desligado ou não estiver conectado à internet, ainda é possível colocá-lo no Modo Perdido, bloqueá-lo ou apagá-lo sem estar com o aparelho em mãos. Na próxima vez que seu dispositivo ficar online, essas ações entrarão em vigor. 

Durante o Carnaval de São Paulo, somente neste ano,  1.144 pessoas foram presas por ocorrências incluindo furto e roubo de celulares, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo. Além disso, a Polícia também apreendeu 701,2 kg de drogas nos últimos quatro dias.

IG TECNOLOGIA