Hímen complacente causa mais dor na hora do sexo? Delas responde

322
source

O hímen é algo que ainda causa muitas dúvidas entre as mulheres. Como saber se ainda tenho? Ele causa dor durante o sexo? Como romper? São alguns questionamentos mais comuns. Recentemente, uma leitora do Delas  nos enviou uma pergunta sobre hímen complacente.

Leia também: Presença de hímen diz mesmo algo sobre a virgindade da mulher?


Existem diferentes tipos de hímen, entre eles, o hímen complacente, que apresente um tecido mais elástico que o habitual
Pinterest

Existem diferentes tipos de hímen, entre eles, o hímen complacente, que apresente um tecido mais elástico que o habitual

Ela fala que tem um hímen complacente e que não consegue rompê-lo, pois sente uma dor muito forte, quase que insuportável, no sexo. “Tenho medo de não conseguir romper um dia e desapontar o meu parceiro”, fala. A leitora ainda completa perguntando qual é a forma mais fácil de romper a membrana. Para responder a questão, conversamos com a ginecologista e sexóloga Nelly Kobayashi.

O primeiro passo para entender como romper o hímen, e o motivo pelo qual ele causa dor na hora do sexo, é saber o que de fato é esse tecido e qual a sua função no corpo da mulher. “Trata-se de uma prega da membrana mucosa presente na entrada da vagina. Pode recobrir apenas uma parte em toda a superfície, ou mais raramente, recobrir toda a entrada da vagina”, explica Nelly.

Segundo a ginecologista, atualmente o hímen não apresenta nenhuma função no organismo. “Sua presença ou não, não afeta em nada a vida de uma pessoa”, fala. Nelly explica que existem teorias de que o hímen ajudaria a evitar infecções, já que diminui a entrada da vagina. “Com o passar do tempo e com o uso de roupas, essa função acabou sendo menos relevante”, completa.

Tipos de hímen e quando eles se rompem – ou não


Hímen complacente (mais próximo do imperfurado) é apenas um dos tipos dessa membrana. Como mostra a ilustração acima, o hímen pode ter formatos variados e também diferentes tipos de aberturas. Também pode romper ou não no sexo
Shutterstock/iG

Hímen complacente (mais próximo do imperfurado) é apenas um dos tipos dessa membrana. Como mostra a ilustração acima, o hímen pode ter formatos variados e também diferentes tipos de aberturas. Também pode romper ou não no sexo


Existem diferentes tipos de membrana, com diferentes formas e resistências. Entre elas, há o hímen complacente, que é o caso da leitora que enviou a dúvida. Nelly explica que o caracteriza este tipo é um tecido mais elástico que o habitual, não se rompendo durante a relação sexual ou introdução de objetos equivalentes ao pênis, como um dildo ou vibrador.

A forma mais fácil e indicada de saber qual o seu tipo de hímen e se ele já se rompeu ou não é em uma consulta com um ginecologista. Se você quer saber mais sobre o assunto, releia a reportagem “Rompimento do hímen ainda é causa de dúvidas: Delas responde”.

A ginecologista ainda explica que, ao contrário do que pensa a leitora em relação ao rompimento, o hímen complacente não costuma se romper, afinal, suas fibras são mais elásticas, tendo a capacidade de se alargar e voltar ao tamanho anterior.

“Não é possível dizer se algum dia ele vai se romper, apenas que é mais difícil se romper por apresentar mais elasticidade. Isso vai depender de qual é a capacidade elástica, podendo, por exemplo, se romper em situações onde a vagina deve se alargar mais, como em um parto vaginal”, fala.

Por isso, se o seu hímen é desse tipo, não é preciso se preocupar com o rompimento ou não dele. Na verdade, o rompimento do hímen pouco diz a respeito do corpo da mulher. Aquela ideia de que a perder a virgindade acontece só quando o hímen é rompido já não faz mais tanto sentido, afinal, o sexo é algo além do que apenas a penetração vaginal.

“[Deixar de ser virgem] deve ser entendido como o início da vida sexual, porque, a partir do momento em que há contato entre genitais, já há riscos inclusive de contrair doenças sexualmente transmissíveis. Uma relação sexual pode envolver inúmeras atividades além da penetração vaginal: sexo oral, masturbação mútua e/ou sexo anal”, explica a ginecologista Bárbara Murayama, coordenadora da Clínica da Mulher do Hospital 9 de Julho, em São Paulo, em entrevista prévia ao Delas .  

Hímen complacente e dor na hora do sexo


Ginecologista explica que, na verdade, o hímen complacente não é uma das causas de dor na hora do sexo
shutterstock

Ginecologista explica que, na verdade, o hímen complacente não é uma das causas de dor na hora do sexo

A leitora se queixa de muita dor na hora do sexo e comenta que sente dificuldade de seguir com a penetração. No entanto, provavelmente essa dor não está relacionada ao fato do hímen dela ser complacente.

De acordo com Nelly, na verdade, esse tipo de hímen costuma causar menos dor, justamente por ser mais elástico. “Porém, a dor varia de pessoa pra pessoa, principalmente na primeira relação sexual, que depende muito mais de a pessoa estar tranquila e relaxada do que se o hímen é complacente ou não”, fala.

Como a ginecologista comenta, a  dor na hora do sexo pode ser consequência da tensão e do nervosismo que muitas mulheres sentem nas primeiras relações sexuais. Além disso, a falta de lubrificação e o vaginismo podem ser causas desse desconforto. Nesse sentindo, a leitora ainda questiona: “é possível ter hímen complacente e vaginismo ao mesmo tempo?”.

De acordo com Nelly, sim, é possível. “Isso porque o hímen é apenas uma prega da mucosa, um tipo de pele que reveste tecidos úmidos do corpo. Já o vaginismo, é causado por contrações involuntárias dos músculos do períneo, que ficam ao redor na vagina, na sua entrada, geralmente de causa psicológica, relacionada ao medo e dor”, fala.

Ou seja, o hímen faz parte do nosso corpo, diferente do vaginismo, algo que não é biológico e só acontece se houver contrações desses músculos.

Como amenizar a dor na hora do sexo de forma geral?


Hímen complacente geralmente não causa dor no sexo. Veja outros fatores que podem atrapalhar e dicas para lidar com isso
Shutterstock

Hímen complacente geralmente não causa dor no sexo. Veja outros fatores que podem atrapalhar e dicas para lidar com isso

Existem algumas formas de amenizar a dor sentida na hora do sexo. O primeiro passo é consultar um ginecologista para avaliar a situação e encaminhar a mulher para o melhor tratamento.

Geralmente, em relação à falta de lubrificação vaginal natural, é indicado adotar um lubrificante à base de água para combater o ressecamento.

No caso de vaginismo ou questões emocionais, os tratamentos variam. A terapia, por exemplo, é bastante indicada para quem precisa trabalhar o medo, trauma e outros transtornos psicológicos que podem desencadear o vaginismo.

Por fim, um ponto que sempre comentamos no Delas  é a importância do autoconhecimento. Quando a mulher conhece o próprio corpo e sabe o que gosta na hora do sexo, é mais fácil sentir-se tranquila e relaxada na hora da relação a dois. Para isso, a masturbação pode ser bastante útil nesse processo.

Tem alguma dúvida sobre sexo, sexualidade ou até mesmo posições sexuais? Faça como a leitora que nos mandou a dúvida sobre hímen complacente e dor na hora do sexo e entre em contato conosco pelo e-mail sexo@igcorp.com.br. Nós traremos uma especialista para respondê-la com sigilo total!

Fonte: IG Mulher