Bolsonaro anuncia Damares Alves como próxima ministra dos Direitos Humanos

4

Damares Alves, asessora de Magno Malta, pode assumir o Ministério dos Direitos Humanos, da Família e dos Direitos da Mulher
Reprodução

Damares Alves, asessora de Magno Malta, pode assumir o Ministério dos Direitos Humanos, da Família e dos Direitos da Mulher

O presidente eleito Jair Bolsonaro confirmou mais um nome para mninstério em seu governo. Nesta quinta-feira (6), o capitão reformado anunciou a advogada Damares Alves para a pasta de Direitos Humanos, Família e Direitos da Mulher. O nome agrada não só a bancada evangélica, mas também a ala de mulheres da Câmara dos Deputados.

Damares Alves é pastora evangélica e trabalha como assessora de Magno malta no Senado. Sua indicação, de certa forma, alivia o clima ruim que ficou entre o presidente eleito e o senador do Espírito Santo que esperava um convite para ser ministro.

Mais informações em instantes.