A Honda CB 250F Twister ficou mais segura

13

A cor laranja é exclusiva da Honda CB 250F Twister ABS
Divulgação

A cor laranja é exclusiva da Honda CB 250F Twister ABS

A Honda CB Twister atual, que foi lançada em 2015, teve a difícil missão de substituir uma motocicleta de maior cilindrada, a Honda CB 300. E o fez com muita tranquilidade, já que mostrou ser bastante superior ao modelo anterior, a ponto de ter seu nome completo de volta: Honda CB 250F Twister.

LEIA MAIS: Nova KTM 390 Duke alia diversão à versatilidade

Com uma reestilização visual no ano passado, quando ganhou a cor branca na versão equipada com freios ABS, a Honda CB 250F Twister vem agora, já como modelo 2019, com mais uma novidade: a inclusão do sistema CBS de freios na versão de entrada.

Honda CB 250F Twister: segurança em prioridade


Honda CB 250F Twister tem visual agressivo, com cores que podem agradar aos que tem personalidade
Divulgação

Honda CB 250F Twister tem visual agressivo, com cores que podem agradar aos que tem personalidade

Antecipando-se à obrigatoriedade para 2019 de as motocicletas com cilindrada de até 300 cm3 oferecerem ou sistema ABS de freios (anti-bloqueio) ou CBS (sistema combinado de freios), a Honda Twister de entrada, que até agora não tinha nenhum dos dois sistemas, passa a ter o CBS de série.

De acordo com o fabricante, bastava manter apenas a Twister ABS para atender à legislação, porém com o sistema CBS, a versão de entrada tem uma boa vantagem financeira de R$ 1.000 em relação à versão completa. Parece pouco, mas essa diferença ajuda na escolha do modelo para quem está migrando de menores cilindradas, que é o caso da maioria dos compradores da Honda CB 250F Twister.

A versão de entrada que passa a ter o sistema CBS manteve o preço de R$ 13.990, enquanto que a versão com ABS, que custava R$ 15.640, teve uma redução de preço e custa agora R$ 14.990.

LEIA MAIS: Conheça a tão desejada Honda CRF 1000L Africa Twin

Além da nova versão CBS da Twister, que vem nas cores vermelha, branca e prata, a Twister ABS ganhou a exclusiva cor laranja, que, de acordo com a Honda, remete à RC 213V pilotada por Marc Márquez no Mundial de MotoGP. As línguas mais afiadas, no entanto, já chamam a nova Twister laranja, que tem as rodas também laranja, de “KTM”.

Além das novas cores, a Honda CB 250F Twister 2019 ganhou duas novas funções no painel de instrumentos, que são os dados de consumo de combustível médio e instantâneo.
A Honda CB 250F Twister é uma motocicleta naked versátil e de fácil pilotagem, com posição confortável para o piloto e ótimo desempenho para sua cilindrada. O motor monocilíndrico refrigerado a ar com cilindrada de 249,5 cm3 tem comando de válvulas único no cabeçote (OHC – OverHead Camshaft), com quatro válvulas e injeção eletrônica de combustível PGM-Fi (Programmed Fuel Injection). Com tecnologia bicombustível FlexOne, esse motor tem potência de 22,6 cv e torque de 2,28 kgf.m.

LEIA MAIS: Yamaha Fazer 150, um pouco mais de sofisticação


A Honda CB 250F Twister CBS pode ter as cores vermelho, prata e branco
Divulgação

A Honda CB 250F Twister CBS pode ter as cores vermelho, prata e branco

O sistema CBS de freios (Combined Brake System), faz com que o pedal do freio traseiro acione simultaneamente uma das três pinças do freio dianteiro, minimizando os riscos para quem tem costume de frear apenas com o freio traseiro (por falta de maiores informações sobre frenagem ou simplesmente por “preguiça”). Esse sistema aumenta um pouco a segurança nas frenagens, mas é o sistema ABS de anti-bloqueio das rodas que oferece muito mais segurança em frenagens, em especial as de emergência e em piso molhado.

Produzida na fábrica de Manaus, AM, a Honda CB 250F Twister 2019 já está disponível nas concessionárias da rede Honda em todo o Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui