Agentes da Semob passam por capacitação em primeiros socorros

6

A prática na prestação de primeiros socorros em casos de acidentes de trânsito foi aprimorada por agentes da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), que passaram por capacitação oferecida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O curso, ministrado nesta semana, resulta de uma parceria entre os órgãos, que buscam oferecer atendimento de qualidade e com eficiência às vítimas.

Divididas entre terça-feira (11) e quarta-feira (12), as aulas também foram ofertadas a profissionais do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) e do Hospital Adauto Botelho, que atuam de maneira integrada ao Serviço.

O supervisor da atividade, o agente Carlos Henrique Souza, conta que participaram desta fase 45 alunos. “O objetivo de quem presta os primeiros socorros é o de proteger a vida do acidentado e reduzir danos até a intervenção de um médico. É uma preparação que já faz parte da nossa formação, mas é sempre importante reforçar e atualizar”, diz.

Na opinião da superintendente do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Mato Grosso, Bruna Santiago, esse tipo de ação é desenvolvida para preparar melhor os profissionais, resultando em ações mais rápidas e seguras. Para isso, nesta etapa da capacitação foram utilizados manequins vivos.

“Os manequins vivos são estudantes da área da Saúde. Temos essa parceria com instituições de ensino para que eles já passem desde cedo a vivenciar o serviço prestado. Ao mesmo, tempo em que repassamos a teoria, ela pode ser aplicada na prática. Esse foi o principal diferencial”, afirma. 

De acordo com Carlos, a iniciativa é continuidade de uma parceria entre os órgãos, que teve início na última segunda-feira (03), com um treinamento para condução de veículos de emergência. Na ocasião, motoristas do Samu passaram por exercícios oferecidos por agentes de trânsito e da Rotam.  

“Na primeira fase foram ministradas aulas sobre legislação de trânsito, direção defensiva, meio ambiente, Código de Trânsito Brasileiro e relações interpessoais. Depois os condutores treinaram manobras com frenagem, aceleração e slalom. Um condutor da Semob e outro da Rotam mostravam o percurso aos alunos, que posteriormente assumiram o volante.”, explicou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui