PF combate crimes contra a ordem econômica e financeira

7

Montes Claros/MG – A Polícia Federal em Montes Claros deflagrou hoje, 7/8, a operação Home Office, que desarticulou uma organização criminosa que praticava crimes contra a ordem econômica e financeira e crimes fiscais. Foram cumpridos 14 mandados judiciais em Montes Claros e Campo Grande/MS, sendo um de prisão preventiva, dois de prisão temporária, cinco de busca e apreensão e seis de sequestros de bens; todos emitidos pela 11ª Vara Federal da Seção Judiciária de Minas Gerais.

As investigações tiveram início há cerca de 10 meses e constataram a atuação dos envolvidos em operações financeiras conhecidas por “DOLAR-CABO”, que viabiliza, clandestinamente, internalização de recursos provenientes do exterior na economia nacional burlando os sistemas de controle financeiros do Brasil.
Trabalhos de inteligência policial identificaram em Montes Claros um dos integrantes da organização que, a partir de sua própria casa, via internet, organizava as operações de câmbio movimentando recursos oriundos de diversos países. Ele também arregimentava pessoas, principalmente seus familiares e amigos, para emprestarem suas contas bancárias para realização das transações.

Com o desenvolvimento das investigações, a PF identificou que o grupo atuava em Montes Claros/MG e no Estado de Mato Grosso do Sul, região de fronteira com a Bolívia. As análises revelaram transações financeiras não declaradas, que totalizam 52 milhões de Reais no período de 2012 a 2017.

Os envolvidos responderão pelos crimes de formação de quadrilha, operação não autorizada de instituição financeira , crimes de lavagem de dinheiro.

 

 

 

Comunicação Social da PF em Montes Claros/MG
www.pf.gov.br
(32) 2103-3200


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui